sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Casa de oração

 
 
E, entrando no templo, começou a expulsar todos os que nele vendiam e compravam. (Lucas 19.45)
Se observarmos atentamente, veremos em toda a Bíblia que foi o único momento que Jesus expulsou alguém, e foi exatamente do templo, isto porque tinham transformado como hoje a casa de Deus em um comércio, e não é diferente, pois o que os cambistas da época vendiam era exatamente animais e troca de moedas para sacrifício, para as pessoas cumprirem os seus votos com Deus. Ou seja, Jesus não permitiu nenhuma espécie de comércio dentro do templo, dentro das igrejas, isto independente da natureza. “Dizendo-lhes: Está escrito: A minha casa é casa de oração; mas vós fizestes dela covil de salteadores (ladrões)” (Lucas 19.46) Veja que Jesus chamou de ladrões e os expulsou de dentro do templo, portanto como sabemos que Jesus é o mesmo ontem, hoje e sempre, que continua fazendo os mesmos milagres, e, portanto continua não permitindo que se faça comércio dentro das igrejas, continua expulsando da sua presença a todos os que compram, e vendem dentro das igrejas, ou seja, não existem desculpas para quaisquer tipos de comércio, pois Jesus não tolera.
E todos os dias ensinava no templo; mas os principais dos sacerdotes, e os escribas, e os principais do povo procuravam matá-lo.”(Lucas 19.47) Jesus ficava todos os dias pregando, ensinando a palavra verdadeira no templo, pois a igreja é lugar de ouvirmos e aprendermos a viver segundo os ensinamentos do Senhor, e um deles é o de não comercializar nada nas igrejas nem CDs,DVs, livros, viagens, férias, TV a cabo, sorteios, nem shows, lotes ou qualquer outra coisa, mesmo que seja bíblias, a igreja não é comércio, portanto qualquer que for a desculpa é contrário aos mandamentos, é contrário a palavra de Jesus. “E não achavam meio de o fazer, porque todo povo pendia para Ele, escutando-o.”(Lucas 19.48) Claro que como a maioria usa das igrejas como ponto de comercio, como uma loja, é evidente que não aceita que preguem a verdade, não aceita ouvir que estão errados, não querem abrir mão de uma fonte riquíssima de renda, e são contrários a todos os que pregam a verdade, a mas a verdade do Senhor triunfa, e não existe explicação teológica que justifique qualquer comércio dentro das igrejas.
“E aconteceu, num daqueles dias, que, estando Ele ensinando o povo no templo e anunciando o Evangelho, sobrevieram os principais dos sacerdotes e os escribas com os anciãos.” (Lucas 20.1) Jesus ensinava, e todos sabem que a igreja vive, sobrevive de ofertas e dízimos, e não de comércio, mas é obvio que os poderosos como na época os principais não aceitaram e não aceitam agora, mas todos nós devemos saber que quem compra também esta nos mesmos pecados, de quem vende, está em erros e, portanto, por tal poderá ser expulsos da presença do Senhor, afinal existe lojas e locais apropriados fora das igrejas para adquirirem quaisquer produtos. “E falaram-lhe, dizendo: Dize-nos: com que autoridade fazes essas coisas? Ou quem é que te deu esta autoridade?”(Lucas 20.2) Desculpas, e criticas encontramos, pois muitos querem usar a palavra de Deus em benefícios próprios e não praticam a palavra verdadeira de Deus, mas não podemos esquecer que o fato de Deus usar alguém para operar milagres, não é sinal de aprovação de conduta. “Se alguém tirar quaisquer palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte da arvore da vida e da Cidade Santa, que estão escritas neste Livro.” (Apocalipse 22.21) Leia e pratique a Bíblia. Que Deus te abençoe.
Um abraço.

2 comentários:

  1. Parabéns pelo seu blog.
    Deixo-lhe os meus:

    http://leiturasparaavida.blogspot.com

    Mto grata!

    ResponderExcluir
  2. Meu nome é António Batalha, estive a ver e ler algumas coisas de seu blog, achei-o muito bom, e espero vir aqui mais vezes. Meu desejo é que continue a fazer o seu melhor, dando-nos boas mensagens , e falando daquilo que Deus tem feito em sua vida, que a graça e a paz de Jesus continue a ser derramada em sua vida, e o fogo do Espirito Santo continue a usar sua vida.
    Tenho um blog Peregrino e servo, se desejar visitar ia deixar-me muito honrado.
    Ps. Se desejar seguir meu blog será uma honra ter voce entre meus amigos virtuais, decerto irei retribuir com muito prazer. Siga de forma que possa dar com seu blog.
    Deixo a minha benção e a paz de Jesus.

    ResponderExcluir