terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Reflexão

 
Inventário de Jesus

Uma das faces menos

reveladas de Jesus nesses

tempos onde as pessoas

andam em busca

de um milagre que as livre das

"besteiras que fizeram"

é a sua "praticidade"

no tocante aos bens materiais.


E ao contrário do que pregam as

"religiões neopentecostais",

Jesus era muito simples,

não se preocupava com o luxo.


E não se encontra

uma só palavra em seus evangelhos,

nem nos apócrifos,

onde o Mestre pedia algum dinheiro

para realizar um sonho

deste ou daquele infeliz,

e sempre ressaltou que tudo era

merecimento da própria pessoa.


Em cada milagre,

Jesus dizia:
- Vá e não peques mais,

a tua fé te curou.


Quando fez um balanço

da sua jornada,

os bens de Jesus eram apenas

os do serviço prestado,

nada carregava com Ele,

e chegou afirmar textualmente:

”O Filho do Homem não tem sequer

uma pedra para declinar a cabeça”…

(Mt 19, 20)


E quando apareceu

para os seus discípulos,

Ele mandou-os evangelizar com

o seguinte recado:
- Não leveis nem ouro

e nem prata,

nem mochila para a viagem,

nem duas túnicas,

nem calçados, nem bastão;

pois o operário merece o

seu sustento”.
(Mt 10, 9-10).

Se fosse hoje seria algo como:
Vá trabalhar meu filho,

não queira viver da exploração

da fé!

Antes que o dia termine

e você fique a noite em claro,

sem conseguir dormir
ou tomando um calmante tarja preta,

preocupado(a) com as contas

que não param de chegar

(que tal parar de gastar?),

com a roupa da moda que

precisa comprar(precisa?),

com o tênis importado que o filho

pediu e você não pode dar,

com aquele celular

de última geração que não

faz nada diferente do seu
além de baboseiras,

ou com futilidades que só na

sua cabeça tem algum valor,
eu peço-lhe um instante

de reflexão.

Eu não,

o próprio Mestre Jesus

vem com sua pergunta direta,

olho no olho,
mente com mente,

sem palavras bonitas,

sem poesia,

na lata:
"Portanto,

eis que vos digo:

não vos preocupeis por vossa vida,

pelo que comereis,

nem por vosso corpo,

pelo que vestireis.


A vida não é mais do que
o alimento e o corpo não é

mais que as vestes?"

Pare!
Pense!


O que vale mais que a sua vida,

que o seu corpo,

que o seu bem-estar,

que a sua paz?

Que adianta um carro

luxuoso na garagem sem saúde

para dirigir e curtir uma
boa viagem?


Que adianta a viagem

com mil aparelhos que distraem

a sua atenção?


Que adianta 5000 seguidores

no Facebook se você não tem

com quem desabafar a
sua solidão real?


Que adianta os sapatos da moda

se os pés estão cansados

de caminhar pelo
vazio da futilidade?

Para terminar,

antes que você saia

correndo atrás desse ou daquele

"salvador moderno,

do mais poderoso

"vendedor de

milagres instantâneos da moda",
reflita nas suas atitudes

de hoje.


O seu futuro está traçado

pelas suas atitudes.


São os seus atos,

não o diabo,

nem a bruxa do 175 que vão

transformar a sua
vida em céu ou inferno.

E assim, deixo-lhe,

desejando-lhe a verdadeira Paz,

Daquele que há mais de
2000 anos atrás deixou esse

recadinho para todos nós:

"Não vos preocupeis,

pois,

com o dia de amanhã:

o dia de amanhã terá as suas
preocupações próprias.

A cada dia basta o seu cuidado."

* Jesus *

Desconheço Autor

Um comentário:

  1. Graça e paz querido, vim aqui te desejar um ótimo final de semana.
    Deus abençoe cada vez mais.

    ResponderExcluir